Virginianismo.

Gostaria de ser menos intensa; de viver, sentir, com menos intensidade. Em tempos em que o lema é “viva a vida intensamente” ou “aventure-se, curta o momento” isso é o que eu menos quero para mim. Não, não sou uma deprimida prestes a cortar os pulsos.

Você, que vive a vida enlouquecidamente: tem problemas? Tem família? Tem futuro? Acho que não. Porque, se tivesse, estaria vivendo o suficiente por si mesmo e já estava mais do que satisfeito.

Que fique claro: isso não é uma crítica, tampouco um deboche, mas um desabafo mesmo. Desabafo de quem tem vivido demais e pouco ao mesmo tempo; de quem tem sentido demais o desnecessário e não consegue não se desvincular a tais sentimentos.

Ter alegria demais, tristeza demais, angústia demais, nervosismo demais, não é feliz. Nada em exagero faz bem (nem mesmo a felicidade, senão me sentiria uma idiota, enfim).

Ultimamente tudo tem sido muito intenso para mim; e eu, intensa por natureza, sofro muito com isso. Admiro de verdade as pessoas que não se abalam (tanto) com problemas, adversidades e angústias. Queria ter essa capacidade de “move on”, e manter o coração tranqüilo em que pese a casa desmoronando.

Entretanto, não sou assim. Às vezes me questiono se a minha intensidade não é em decorrência de uma característica clássica herdada pelo meu virginianismo: a autoexigência. Preciso ser perfeita em todas as searas da minha vida, prevejo cada passo, cada cena e, caso não saia do jeito como previra, me frustro.

Difícil assumir isso. Difícil lidar com os elefantes brancos diariamente de forma racional para não tentar se abalar e nada adiantar.

Eaí, o final de semana acaba e a segunda-feira ressurge: com os velhos e novos elefantes brancos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s